Contactos  | 
Logo Portal da Habitação
   
 

Co-financiado por : POSC  
Fundos Estruturais CE
Município de Lisboa 
 
» ARU de Lisboa » ARU de Santa Clara » ARU da Rua das Barracas  » ARU da Rua de São Lázaro  » ARU do Vale de Chelas 


 » ARU DE LISBOA
 
 
Lisboa_ARU-Lisboa_Foto1  Lisboa_ARU-Lisboa_Foto3 Lisboa_ARU-Lisboa_Foto2
 
Desde 26 de abril de 2012, que toda a cidade consolidada de lisboa, com exceção das áreas recentemente urbanizadas, grandes equipamentos e cemitérios, integram a Área de Reabilitação Urbana (ARU) de Lisboa com a fundamentação constante na Estratégia de Reabilitação Urbana delineada para o período de 2011 a 2024. Neste documento constam um conjunto de objectivos estratégicos e de medidas a implementar para tornar Lisboa uma cidade mais atractiva, dinâmica, competitiva e mais inclusiva. 
 
  Lisboa_ARU-Lisboa_Planta

 
 
Enquadramento Legal
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Situação do Processo
ARU E ORU SIMPLES APROVADAS
Consulta do Processo
http://www.cm-lisboa.pt/viver/urbanismo/reabilitacao-urbana
 
Área de Reabilitação
Urbana
 
Operação de Reabilitação Urbana
Entidade Gestora
Câmara Municipal
Câmara Municipal
Processo de Constituição
 

Âmbito Temporal
até 2024
até 2024
Aprovação da Câmara Municipal
 2011-04-27
2011-04-27
Aprovação do IHRU
 2011-05-25
2011-05-25
Aprovação da Assembleia Municipal
 2012-03-20
2012-03-20
Publicação DR II Série
Ultima actualização: 2012-10-24


 » ARU DE SANTA CLARA 
 
 

Lisboa_ARU-Santa Clara_Foto1   Lisboa_ARU-Santa Clara_Foto2    Lisboa_ARU-Santa Clara_Foto3

 
A Assembleia Municipal de Lisboa aprovou em 2012, a Área de Reabilitação Urbana de Lisboa, com a fundamentação constante da Estratégia de Reabilitação Urbana 2011-2014. Nos termos da Estratégia de Reabilitação Urbana 2011-2014, será delimitada para cada operação de reabilitação sistemática a lançar a correspondente área de reabilitação urbana, que será ao mesmo tempo destacada da atual Área de Reabilitação Urbana de Lisboa, por forma a fazer coincidir cada operação de reabilitação, simples ou sistemática, com a respetiva área de reabilitação. Com a presente proposta pretende -se a aprovação da delimitação da Área de Reabilitação Urbana de Santa Clara em momento anterior à aprovação da correspondente operação de reabilitação urbana sistemática e respetivas ações a efetuar na área delimitada.
 
  Lisboa_ARU-Santa Clara-plantaAltera2
 
Enquadramento Legal
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Situação do Processo
ARU APROVADA
Consulta do Processo
www.cm-lisboa.pt/
 
Área de Reabilitação Urbana
 

Entidade Gestora
Câmara Municipal

Processo de Constituição
 

Âmbito Temporal
3 anos 

Aprovação da Câmara Municipal
2016-07-27

Comunicação ao IHRU
2016-12-15

Aprovação da Assembleia Municipal
2016-11-15 

Publicação DR II Série
Ultima actualização: 2014-05-05


 » ARU DA RUA DAS BARRACAS 
 
 

Lisboa_ARU-RuadasBarracas_Foto1   Lisboa_ARU-RuadasBarracas_Foto2   Lisboa_ARU-RuadasBarracas_Foto3

 
A ARU da Rua das Barracas pertence, na freguesia de Arroios, com 1,47ha compreende os edifícios que confrontam com esta rua e os situados entre a mesma e as Ruas de Stª Bárbara e do Cabeço da Bola. A Rua das Barracas, apresenta no troço inicial um perfil diminuto, com passeios, assumindo a partir do Largo do Cabeço da Bola um perfil exíguo, sem passeios, terminando num impasse. Os edifícios, alguns de traça pombalina mas modificados, estão bastante degradados, uns com debilidades estruturais, outros sem ventilação, muitos devolutos e espaços resultantes de demolições. Predomina a habitação multifamiliar. Esta delimitação visa implementar uma solução integrada e alavancar mecanismos de regeneração, reabilitação e valorização patrimonial procurando inverter a manifesta degradação e obsolescência da estrutura urbana e a fragilidade social patente.
 
  Lisboa_ARU-RuadasBarracas_Planta
 
Enquadramento Legal
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Situação do Processo
ARU APROVADA
Consulta do Processo
http://www.cm-lisboa.pt/viver/urbanismo/reabilitacao-urbana/aru-da-rua-das-barracas
 
Área de Reabilitação Urbana
 

Entidade Gestora
Câmara Municipal

Processo de Constituição
 

Âmbito Temporal
3 anos 

Aprovação da Câmara Municipal
2015-10-28

Comunicação ao IHRU
2016-04-04

Aprovação da Assembleia Municipal
2015-12-15

Publicação DR II Série
Ultima atualização: 2016-01-26


 » ARU DA RUA DE SÃO LÁZARO 
 
 

Lisboa_ARU-RuadeSãoLázaro_Foto1 Lisboa_ARU-RuadeSãoLázaro_Foto2 Lisboa_ARU-RuadeSãoLázaro_Foto3

 
A ARU da Rua de São Lázaro pertence às freguesias de Arroios e Santa Maria Maior, tem 1,19ha, compreende a rua e edifícios ou lotes adjacentes entre o Martim Moniz e a Calçada do Desterro. Esta via, constitui um dos caminhos privilegiados para descer ou subir entre a Baixa da Cidade e o Campo Mártires da Pátria, importante canal de circulação de transportes públicos, mas também pedonal, apesar do declive e dos passeios pouco generosos. Compreende edifícios de várias épocas, a maioria dos séc. XVIII e XIX. Alguns constituem bens imóveis de interesse municipal e requerem reabilitação. Predominam os edifícios de 3 e 4 pisos com estado de conservação médio a mau, alguns bastante degradados. Esta delimitação visa implementar uma solução integrada e alavancar mecanismos de regeneração, reabilitação e valorização patrimonial promovendo o arrendamento acessível para reabitar e rejuvenescer o Centro de Lisboa.
 
  Lisboa_ARU-RuadeSãoLázaro_Planta
 
Enquadramento Legal
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Situação do Processo
ARU APROVADA
Consulta do Processo
http://www.cm-lisboa.pt/viver/urbanismo/reabilitacao-urbana/aru-da-rua-de-sao-lazaro
 
Área de Reabilitação Urbana
 

Entidade Gestora
Câmara Municipal

Processo de Constituição
 

Âmbito Temporal
3 anos 

Aprovação da Câmara Municipal
2015-10-28

Comunicação ao IHRU
2016-04-04

Aprovação da Assembleia Municipal
2015-12-15

Publicação DR II Série
Ultima atualização: 2016-01-26


 » ARU DO VALE DE CHELAS 
 
 

Lisboa_ARU-ValedeChelas_Foto1   Lisboa_ARU-ValedeChelas_Foto2   Lisboa_ARU-ValedeChelas_Foto3

 
A ARU do Vale de Chelas tem cerca de 30ha e abrange áreas das freguesias do Beato e da Penha de França. O território apresenta-se fragmentado, coexistindo reminiscências rurais, antigos Palácios, edifícios fabris abandonados, atividades logísticas, habitação operária degradada e justaposição de infraestruturas. Das 774 habitações na área, 34% têm áreas diminutas e 29% não têm instalação sanitária. Esta delimitação visa concertar esforços de reabilitação e regeneração urbana integrada, através de uma ORU sistemática, atuando em quatro eixos: 1. Regeneracão da habitação; 2. Renaturalização do Vale; 3. Reestruturação da rede de acessibilidades; 4. Mitigação dos impactos das infraestruturas.  
 
  Lisboa_ARU-ValedeChelas_Planta
 
Enquadramento Legal
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Situação do Processo
ARU APROVADA
Consulta do Processo
http://www.cm-lisboa.pt/viver/urbanismo/reabilitacao-urbana/aru-vale-de-chelas 
 
Área de Reabilitação Urbana
 

Entidade Gestora
Câmara Municipal

Processo de Constituição
 

Âmbito Temporal
3 anos 

Aprovação da Câmara Municipal
2015-10-28

Comunicação ao IHRU
2015-04-30

Aprovação da Assembleia Municipal
2015-04-21

Publicação DR II Série
Ultima atualização: 2016-01-26

 

Sobre o Portal | Avisos Legais | Política de Privacidade
Actualizado em 2016-02-18 | 1.6.4
Em conformidade com o nível 'AA' das WCAG 1.0 do W3C [D] Símbolo de Acessibilidade na Web  Portal da União Europeia